O anúncio foi difundido depois de terem soado as sirenes de alerta no norte de Israel avisando sobre possíveis disparos de foguetes a partir do Líbano.

A estação de televisão israelita Channel 12 noticiou que um foguete "caiu em campo aberto" e o outro foi intercetado pelo sistema de defesa militar, Iron Dome.

O Exército israelita comunicou que respondeu com disparos de artilharia. 

Os avisos soaram perto de Kiryat Shmona, uma comunidade habitada por 20 mil pessoas perto da fronteira libanesa.

Vários incidentes do mesmo tipo têm-se repetido durante os últimos meses na mesma zona.

A France Presse refere, sem citar fontes, que autoridades israelitas admitem que se trata de disparos efetuados por grupos palestinianos com base no Líbano, excluindo o envolvimento do Hezbollah (Partido de Deus), organização política e paramilitar.

Mesmo assim, a France Presse indica que é pouco provável que os grupos armados palestinianos possam atuar em território libanês sem o consentimento do Hezbollah. 

 

PSP // ANP

Lusa/fim

 

 

A dose certa de informação. Sem contraindicações.

Subscreva a newsletter Dose Diária.

Esteja em cima do acontecimento.

Ative as notificações do SAPO.

Damos tudo por tudo, para não lhe falte nada de nada!

Siga o SAPO nas redes sociais. Use a #portalSAPO nas suas publicações.