A Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), Polícia de Segurança Pública (PSP) e Guarda Nacional Republicana (GNR) levaram a cabo a campanha de segurança rodoviária “não atropele os seus planos”, entre os dias 24 e 25 de novembro. Agora, revelaram os dados e mostraram um total de 4120 infrações registadas durante esse período.

Este número foi conseguido depois de terem sido fiscalizados 10783 veículos. Quanto ao principal objetivo desta campanha, que era alertar para o cumprimento das regras de segurança rodoviária para evitar atropelamentos, as entidades mencionam que do total de infrações, 1394 foram consideradas como potencial causa de atropelamentos. Estas foram divididas por tópicos: 1115 por excesso de velocidade, 19 por desrespeito das regras de prioridade, 24 por não cedência de passagem de peões e 236 por estacionamento indevido.